4 setembro 2022

Uma Misteriosa Melodia, ou Como Mickey Conheceu Minnie

Por Fora do Plástico

De Cosey
64 páginas
Panini Comics | 2022
Tradução: Marcelo Alencar

Uma história doce e cheia de ternura, mas nunca banal. Cosey, consagrado quadrinista europeu e inédito no Brasil até agora, imaginou o primeiro encontro entre Mickey e Minnie em “Uma Misteriosa Melodia”. Como parte da coleção de releituras da Glenát para o universo Disney, a obra é uma aventura poética, que surpreende pela originalidade ao fazer uma grande homenagem ao universo do icônico personagem.

Ambientada em 1927, a história nos apresenta Mickey, um roteirista de cinema. Ele terminou de escrever sua nova história, mas o Chefão, a quem Mickey entrega seus scripts para aprovação, exige um roteiro mais dramático, “assim como as obras de Shakespeare”. Na volta para casa, o protagonista tem seu novo projeto furtado, enquanto dorme no trem. Agora, Mickey precisa recuperar seu texto e sua única pista é uma melodia que ele ouviu na viagem.

A história é uma aventura com toque de mistério, bem tradicional, mas Cosey não deixa de trazer elementos reflexivos. Principalmente o debate sobre seguir as tendências de mercado e a liberdade criativa dos roteiristas. O que torna essa informação ainda mais interessante é saber que o autor suíço, na juventude, já quis trabalhar nos quadrinhos Disney, mas acabou declinando porque temia ser um trabalho repetitivo.

Outro ponto que devemos destacar é como o autor explora a figura da Minnie. Aqui, ela não é uma personagem feminina que precisa ser salva ou algo parecido, ela tem personalidade. A primeira aparição do Mickey foi em 1928 no filme “Steamboat Willie”, e nele a Minnie já é vista como sua namorada.

Assim, “Uma Misteriosa Melodia” é uma forma também de reimaginar esse primeiro encontro dos personagens. Além dessa “curiosidade”, existem várias outras espalhadas ao longo da leitura. Incluindo referências e homenagens a personagens e autores do universo Disney.

A arte de Cosey é elegante, sua linha minimalista combina com o tom da história, com destaque para os cenários cheios de vida e as cores, que trazem uma magia nostálgica.

Um álbum moderno, que não deixa de reverenciar respeitosamente o passado, “Uma Misteriosa Melodia” é cativante. Uma leitura deliciosa para todas as idades.

Não perca nada

Siga nossas redes

Carrinho atualizado