7 julho 2022

O Pacto da Letargia

Por Fora do Plástico

De Miguelanxo Prado
104 páginas
Conrad I 2022
Tradução: Nereu Afonso da Silva

A capa de O Pacto da Letargia é um convite por si só. As cores, os elementos e a figura de ar demoníaco que nos encara provocam imediatamente o leitor. Ali já é possível saber que essa é uma obra que flerta com algo fantástico, mágico.

Ambientada na Galícia de hoje, a história de Miguelanxo Prado acompanha um evento sobrenatural. Simultaneamente Xamain, o Senhor dos Demônios, e Grian, o Senhor dos Puros, despertam de um longo sono. Os dois fazem parte de uma espécie de seres poderosos que conviveram por um tempo com os humanos. Essa convivência é justamente um ponto crucial: cada um desses povos, Dêmonios e Puros, têm uma visão diferente sobre a humanidade e suas atitudes.

Para completar o despertar de seus pares, eles precisam de uma chave, um talismã em forma de tríscele, que, no entanto, foi roubado. Em paralelo, o jovem doutorando Arthur Rego descobre a pesquisa de um professor aposentado, que provoca seu interesse. Esse é o ponto de partida para que os dois núcleos (e vários outros que virão a seguir na trama) se encontrem.

A premissa de O Pacto da Letargia é ancorada em seus aspectos místicos, mas seu desenvolvimento fica a cargo das relações entre os muitos personagens do enredo. Alguns parecem ser introduzidos de forma apressada e é notável que a maioria deles soa caricata nos comportamentos e na maneira de se comunicar.

Dito isso, o caminho que a história percorre é bastante convidativo e há diversas reflexões salpicadas aqui e ali, como um subtexto ecológico presente desde o princípio, além de uma análise da natureza humana.

A arte de Miguelanxo Prado é um dos principais destaques, com linhas finas que enriquecem a arte e ressaltam os rostos dos personagens. As cores belíssimas também são essenciais para a ambientação onírica que marca a HQ.

O desfecho pode deixar um gosto de que um caminho mais longo, com a elaboração que aquela mitologia pede, deveria ter sido percorrido. Publicado pela Conrad, O Pacto da Letargia traz um universo esotérico incrível, que poderia ser ainda mais explorado. Torcemos para que Miguelanxo Prado volte a olhar para essa trama no futuro.

Não perca nada

Siga nossas redes

Carrinho atualizado