15 setembro 2022

El Borbah

Por Fora do Plástico

De Charles Burns
128 páginas
DarkSide Books | 2020
Tradução: Paulo H. Cecconi 

Publicado originalmente nos anos 80, El Borbah segue perfeitamente o estilo Charles Burns de contar histórias: seres bizarros, situações curiosas e um humor acidamente grotesco. Neste compilado o leitor acompanha diferentes aventuras do detetive particular que dá nome à HQ: um homem corpulento, mascarado como um luchador mexicano e que não dá a mínima para a opinião alheia.

El Borbah possui uma personalidade forte que muitas vezes serve de alívio cômico, mas também guarda críticas ao modo de vida americano e à decadência dos anos 80. Sempre com elementos bizarros (seja nas situações ou nos personagens envolvidos), os casos que o protagonista precisa resolver funcionam como uma amostra interessante do modo de Burns de representar o mundo. É claro que algumas histórias funcionam melhor do que outras (há aquelas que pouco empolgam também), mas em geral, conseguem deixar o leitor curioso para saber como El Borbah irá resolver aquela investigação.

A arte em preto e branco, com traços grossos e contrastantes contribui muito para o tom inescrupuloso da HQ. Tudo bem semelhante ao visual que se tornou identitário de Burns. Destaque para os extras do quadrinho que explicam, nas palavras do próprio quadrinista, a origem do protagonista e trazem referências para a construção visual de El Borbah.

Mesmo que não seja uma obra prima de Charles Burns, a HQ traz um momento de leitura divertido. El Borbah não possui críticas tão profundas como Black Hole ou Sem Volta (que foram produzidas depois), mas ainda assim alfineta o leitor e o entretém com suspense e humor ácido.

Não perca nada

Siga nossas redes

Carrinho atualizado