3 setembro 2022

Casa-Grande

Por Fora do Plástico

De Robson Moura
168 páginas
Independente | 2021

Casa-Grande, de Robson Moura, flerta com um horror gore para escancarar o racismo presente na sociedade brasileira, no passado e no presente. Para isso, o autor coloca como protagonistas da trama três irmãos brancos, de família abastada, que herdam uma fazenda colonial após a morte do pai, um político integralista. Todos são assumidamente neonazistas e ostentam seus preconceitos sem pudor algum. Robson propositalmente dá ênfase às falas e comportamentos asquerosos dos três, inclusive. Basta ver notícias recentes para perceber que esse tipo de movimento tem ganhado força no Brasil, mesmo que de forma rasteira.

Após chegarem à fazenda, Fernão, Laurie e Félix revivem a história da propriedade, que remonta aos tempos de um antepassado distante, que havia sido bandeirante. É nesse momento que o autor nos leva ao passado colonial brasileiro, marcado pela crueldade com os escravizados. E é nos fantasmas dessa herança racista que a HQ ancora o terror que toma conta da sua segunda metade, intercalando bem o passado, o presente e o sobrenatural.

Com inspiração evidente em obras como os filmes de Jordan Peele e com várias outras referências ao longo das páginas, Robson Moura faz de Casa-Grande uma denúncia ao inescrupuloso comportamento da sociedade do “não existe racismo no Brasil”. Sem dúvidas, a maneira como ele usa o horror para diluir seu discurso é o ponto alto da obra.

Graficamente, o uso do preto e branco é destaque, intensificando a atmosfera aterrorizante da HQ, com cenas cheias de movimento. Há algumas cenas em plano detalhe que são um pouco confusas, mas nada que atrapalhe o entendimento da obra.

Casa-Grande quadrinho com roteiro bem amarrado, ótimo ritmo e que, ao contrário do que é comum, não te faz em momento algum torcer pelos protagonistas. Meritocracia, supremacia branca e ideais fascistas são personificadas na figura dos três irmãos e é inevitável torcer para que eles sintam na pele o mal que vêm causando há gerações.

Não perca nada

Siga nossas redes

Carrinho atualizado