Publicado em

Something is Killing the Children, Vol.1

De James Tynion IV, Werther Dell’Edera e Miquel Muerto
384 páginas
Devir | 2021
Tradução: Guilherme Miranda

Something is Killing the Children entrega exatamente o que esperamos de uma série de aventura e mistério: um bom ritmo, ação na medida certa e uma trama envolvente que te deixa vidrado na obra. Logo nas primeiras páginas, ficamos sabendo que algumas crianças são encontradas mortas na floresta, em uma cidadezinha do Winsconsin. A partir disso a protagonista Erica Slaughter entra em ação. Ela sabe o que está matando as crianças e o como fazer para que isso pare de acontecer.

James Tynion IV não tem pressa para entregar os detalhes de sua história, mas o tempo todo dá ao leitor alguns elementos para fisgar sua curiosidade à medida que ela avança. São muitas perguntas, que vão sendo respondidas aos poucos, sem diálogos expositivos, o foco é a ação e são os próprios acontecimentos da HQ que vão revelando o mistério. Mas não se engane, ele não para por aí. Ao final deste primeiro volume, já queríamos ver os próximos passos de Erica, o que acontecerá com James e como a Ordem de São Jorge irá lidar com tudo o que aconteceu nesta edição.

 

A arte de Werther Dell’Edera é muito funcional para o gibi. Desde os olhos esmeralda muito expressivos de Erica até os movimentos em cenas de combate, as ilustrações têm um papel fundamental no nosso envolvimento com o gibi. Assim como as cores de Miquel Muerto, que dão o clima sombrio e misterioso para muitas cenas.

Publicado no formato 3 em 1, que compila todas as edições lançadas da série, até o momento, Something is Killing the Children foi um entretenimento perfeito. Sem se perder em clichês ou se tornar muito superficial, a HQ nos leva por uma aventura que se inicia e termina absorvendo completamente o leitor.